Insights sobre Treinamento da Indústria 4.0 para a Indústria Atual e do Futuro

Insights sobre Treinamento da Indústria 4.0 para a Indústria Atual e do Futuro

Por Amir Prat

As indústrias modernas que produzem bens de consumo em alto volume, tais como alimentos, cuidados pessoais, produtos farmacêuticos, dispositivos médicos, componentes eletrônicos e outros produtos, estão enfrentando desafios de produção com mão de obra, saneamento e qualidade do produto em suas operações de fabricação, montagem e embalagem.

A indústria tradicional era baseada em tecnologia rígida, com esteiras transportadoras, sensores e pistões que compunham a linha de produção eram controlados principalmente por CLPs. Esses sistemas precisam ser constantemente ajustados, pois não têm flexibilidade, ou, na melhor das hipóteses, têm flexibilidade limitada para lidar com diferentes peças na mesma linha de produção. Quando uma peça ou um produto
muda, como acontece frequentemente hoje em dia, a linha precisa ser redesenhada, desmontada e/ou radicalmente alterada. Na Indústria 4.0, isso é denominado Produção em Massa Flexível.
Processos robóticos de pegar-e-colocar de alta velocidade estão substituindo com sucesso as linhas que eram baseadas em trabalho manual e usavam automação rígida fixa.

A capacidade de usar sistemas reprogramáveis que sejam flexíveis o suficiente para manipular e produzir itens com diferentes opções e que possam ser facilmente reprogramados para diferentes tarefas permite que a mesma linha seja usada para múltiplos itens com diferentes opções, e que se adapte a mudanças frequentes na produção.

Um bom exemplo é a linha de montagem da Nissan em Smyrna, TN (EUA), onde seis modelos de carros Nissan são produzidos, cada um podendo ter múltiplas opções, como cor, rodas, teto, sistema de navegação, protetores contra respingos, etc. Além disso, a cada ano os modelos mudam ligeiramente ou moderadamente, de modo que a linha precisa ser adaptada.

Inovações recentes na manufatura proporcionaram um novo nível de programação simplificada e de flexibilidade, o qual torna os sistemas robóticos flexíveis altamente viáveis para a Indústria, seja pequena ou grande.

Essas indústrias precisam de trabalhadores qualificados para investigar, identificar as aplicações certas, conceituar o projeto do sistema, implementar técnicas de projeto, integrar os componentes de produção e depois apoiar o sistema na produção.

O sistema de treinamento OpenCIM e SmartCIM4.0, da Intelitek, e seus componentes fornecem os meios para treinar os alunos para a indústria avançada e moderna, uma indústria que pode competir com as indústrias locais e estrangeiras baseadas em mão- de-obra barata ou em tecnologia rígida. As indústrias baseadas em automação flexível e integração inteligente, onde os processos podem ser executados de maneira rápida e
precisa, e as quais podem lidar com projetos de múltiplas peças e mudanças
frequentes e rápidas, são o futuro da manufatura.

A tabela a seguir ilustra algumas das diferenças:

PropriedadeTecnologia baseada em
CLP/PISTÃO/Sensor
Tecnologia baseada em
Robótica
FlexibilidadeExtremamente limitadaExcelente
PrecisãoLimitadaExcelente
VelocidadeAltaTornando-se alta
ManutençãoMuda constantementePouca e preditiva
ComunicaçãoLimitada (Baseado em ladder), redes industriaisRedes Ethernet/Industriais,
IIoT (Internet das Coisas Industrial)
MTBF (Tempo médio entre falhas)Baixo Alto
Adaptabilidade a novas
tarefas
BaixoAlta
PreçoBaixoTornando-se baixo

Em resumo, os sistemas de treinamento CIM da Intelitek são baseados em robôs industriais flexíveis e são muito mais flexíveis do que os sistemas concorrentes. O SmartCIM4.0 se alinha às necessidades avançadas da indústria e apresenta robôs industriais das melhores empresas. As soluções tradicionais baseadas em pistão são limitadas no que podem ensinar, e não preparam bem os alunos para carreiras futuras na indústria avançada. O aprendizado de CLP, pistões e sensores pode ser feito em um sistema simples de desktop, portanto não havia necessidade de investir em um
sistema complicado e flexível com robôs, porém aquela solução da velha escola de treinamento possui uma base industrial limitada, e não está pronta para o futuro.

Para mais informações sobre o treinamento em Indústria 4.0 da Intelitek…